Historical findings in Portugal

A rica e longa história da civilização humana em Portugal permitiu – e conta-se – a acumulação de vestígios arqueológicos de todas as épocas e de várias naturezas. O trabalho da arqueologia permite-nos conhecer a evolução das sociedades ao longo de milénios, e a sua influência nos nossos dias. Veja agora algumas descobertas históricas da arqueologia em Portugal.

Castelos medievais

Os castelos construídos ao longo da Idade Média são tantos e tão fisicamente visíveis que se tornam uma parte essencial da imagem que os portugueses fazem da sua própria História. Em grande parte deles têm decorrido escavações arqueológicas, uma vez que o seu interior foi habitado durante largas centenas de anos.

Parque Arqueológico de Foz Coa

As gravuras rupestres foram alvo de debate político aceso, face à hipótese de construção de uma barragem que as deixaria submersas. Ao longo de 17 quilómetros, encontram-se um dos maiores conjuntos de gravuras do Paleolítico Superior existentes no mundo.

Criptopórtico Romano de Aeminium, Coimbra

71055538Durante séculos, os subterrâneos do palácio episcopal de Coimbra estiveram aterrados, tendo perdido a sua função original, ainda que uma parte deles estivesse acima do nível do solo; foram construídos para vencer o desnível da alta de Coimbra. Ao longo do século XX, descobriu-se progressivamente que o fórum romano de Aeminium lá permanecia, intacto e incrivelmente sólido, dois mil anos depois. Está aberto ao público.

Mértola islâmica

Mértola é hoje uma vila que sofre os efeitos da interioridade e do envelhecimento; mas no período islâmico era uma cidade comercialmente ativa e dinâmica, mercê da navegabilidade do rio Guadiana. Quaisquer obras de ampliação ou recuperação de edifícios, no espaço da vila, resultam na descoberta de mais achados do período muçulmanos. Especula-se que muitos vestígios estarão ainda por descobrir.

Lisboa: 2000 anos de história portuária

Não é novidade a importância de Lisboa enquanto cidade marítima; não só durante os Descobrimentos mas em eras anteriores. A descoberta de um local de atracagem romano durante a realização de obras no mercado da Ribeira, bem no centro de Lisboa, só veio reforçar este conhecimento.